Dicas para aplicar na hora de criar um site para sua indústria

Se sua empresa precisar alcançar um público maior e de forma efetiva, um bom site pode gerar 3 vezes mais leads e ajudar nesse resultado. Ainda não está na internet? Veja como criar um site de sucesso.

Luiz Pires
Estratégia

Em mundo globalizado, o mercado digital vem ganhando cada vez mais força. Hoje, pequenas empresas que querem se destacar no mercado já contam, ou deveriam, com seu próprio site. 

Isso, por exemplo, pode trazer benefícios que vão além do aumento de vendas.  Imagina oferecer conteúdo gratuito a seus clientes, mostrando que sua empresa tem capacidade para ser a solução de muitos outros problemas.  

Certamente essa ideia melhoraria sua jornada de compra, não é mesmo?

Um site não é só mais um ponto de vendas que as empresas precisam lidar, ele é uma ferramenta importante para alavancar a performance de um negócio, conquistar visitantes regulares, engajar seu público e converter leads interessados em bons produtos e atendimento. 

Isso tudo é possível graças a atualizações constantes e as informações certas e isso tudo precisa estar de acordo com as necessidades e características da sua empresa. 

Quer saber como fazer isso e manter as melhores práticas? Basta continuar a leitura que eu te conto tudo!

Como identificar o tipo de site certo para o momento da sua empresa?

Oferecer a melhor experiência para os seus clientes não é nada fácil, é preciso muito conhecimento e inteligência de mercado para entender quais as melhores estratégias adotar. 

Em pequenas empresas, por exemplo, talvez a criação e manutenção de um site exige um esforço financeiro no qual ela não teria recursos suficientes para arcar. Nesse caso, uma boa plataforma de e-commerce também atenderia muito bem. 

Cada tipo de negócio exige um website que atenda às suas necessidades e às de seus clientes, seja um site para comércio eletrônico, uma prestadora de serviços ou outro modelo de empresa.

Por exemplo, se você está pensando em criar um site para a sua empresa na área industrial, já pensou sobre quais são os principais pontos a que se deve ter atenção?

É preciso nutrir seus leads com a informação certa. Um gestor tem um conhecimento profundo de – recursos, capacidades, produtos, serviços; mas seus clientes não. 

É essencial que todas essas informações estejam facilmente acessíveis e compreensíveis para os visitantes, mantendo seu site o mais atualizado possível tanto em funcionalidade quanto em conteúdo. 

Você vai gostar de ler: 
Como montar uma jornada do consumidor.
Como apoiar pequenos negócios.

Uma fábrica funcionando a todo vapor tem uma sobrecarga de operações que, muitas vezes, não prioriza ou ignora a importância de ter uma plataforma dinâmica, atualizada e fácil de usar. 

Lembre-se: um site é o primeiro ponto de contato do funil de vendas em uma empresa, novos contatos e potenciais clientes chegam por lá, goste ou não, ele será a base para te ajudar a fidelizar e conquistar mais leads. Por isso, é importante causar uma boa impressão. 

A seguir, preparamos uma lista com os tipos de site que podem ser usados de acordo com as características da sua empresa. 

Quais tipos de sites existem 

Quando a tendência de criar plataformas comerciais para empresas surgiu, a maioria dos sites eram estáticos e, basicamente, formados por blocos, textos e imagens. 

Atualmente, existem vários tipos e conhecê-los vai te ajudar a identificar o que se encaixa melhor  para o seu perfil empresarial. 

Sites institucionais

Um site institucional é o famoso “cartão de visita” das empresas e, geralmente, é utilizado como central de informações sobre os produtos e serviços prestados. 

Esse tipo de plataforma é a mais utilizada pelas instituições em todo o mundo, e serve, basicamente, para marcar presença e concentrar as principais informações sobre a marca, criando uma identidade sólida no mercado. 

Além disso, é possível criar estratégias de marketing em mídias sociais e anúncios digitais, promovendo uma melhor performance para as vendas da empresa. 

Em síntese, um bom site institucional concentra as seguintes informações: 

  • Qual é a empresa, quem são as pessoas, quais são os valores e a missão no mercado;
  • O que ela oferece aos clientes e interessados em termos de produtos/serviços/soluções;
  • Como ela trabalha, qual é sua posição no mercado e de que maneira ela estabelece relações comerciais,
  • Quais são seus diferenciais de mercado.
Você pode ter interesse: 
A importância de um e-commerce para sua empresa.
Como escolher a plataforma de e-commerce para sua empresa.

Landing Pages e Hotsites

Basicamente, landing pages são "páginas de aterrissagem" que partem de uma estrutura simples e lógica, pois querem manter o foco na captação dos dados. 

O principal objetivo desse tipo de site é melhorar as conversões de leads dentro das estratégias de inbound marketing, contribuindo para a execução e o sucesso de uma campanha. 

Um bom landing page precisa: 

  • Apresentar uma solução para o problema do público-alvo;
  • Propor uma “troca” entre dados e algum conteúdo relacionado ao tema,
  • Fornecer um formulário de contato ou um call-to-action.

Blogs

Em suma, blogs são sites pensados em leitores fiéis, que entram todos os dias para conferir as novidades. Eles devem sempre atacar um público-alvo e dependem completamente de seu sucesso para poder gerar alguma receita. 

Esse tipo de plataforma são potenciais ferramentas de divulgação e marketing, pois conseguem convencer os clientes de forma mais sutil (com dicas, por exemplo) ao invés de um anúncio direto. 

Muitas empresas utilizam blogs para manter um relacionamento com seus consumidores de forma mais informal e criar um vínculo com eles. Por isso, esse tipo de site deve sempre conectar com redes sociais e incentivar a navegação horizontal, ou seja, fazer o leitor pular de artigo em artigo, permanecendo o máximo de tempo online. 

Portais

Um portal é um site ideal para empresas que vendem “informação” e visam o retorno do consumidor.

Grandes produtores de mídia e jornalismo do mundo fizeram a gente se acostumar com esse tipo de site, sendo fácil para muitos de nós identificar a estrutura que torna um site um portal de conteúdo.

Eles podem, por exemplo, ser utilizados por empresas como uma espécie de “blog sem foco na conversão”. Nesse caso, são recomendados para:

  • Empresas produtoras de mídia;
  • Equipes jornalísticas,
  • Times de produtores de conteúdo.

Basicamente, essas plataformas são construídas com todo foco voltado ao interesse do público, conquistando e promovendo continuidade nas visitas.

E-commerce

Um e-commerce ou comércio eletrônico é uma loja virtual com foco na apresentação de produtos para uma marca, uma espécie de catálogo das mercadorias. 

A principal finalidade dessa plataforma é unir as atividades do mundo físico com o mundo virtual, permitindo que os clientes realizem suas compras a qualquer momento do dia. 

Para fidelizar os clientes e captar ainda mais oportunidades de vendas, um e-commerce precisa ter:

  • Estrutura simples;
  • Lógica de navegação intuitiva,
  • Todos os requisitos de segurança possíveis.

Convém dizer que vender na internet é algo cada vez mais comum. Contudo, as pessoas vão sempre se afastar de tipos de sites de venda ruins, mal-elaborados ou com pouca segurança.

Analise os resultados que você está buscando

Agora que você já tem uma noção de como identificar o melhor site e quais os tipos existem, vamos entender a fundo como usar essa ferramenta da melhor forma. 

A primeira coisa que precisamos fazer para construir um site, é especificar quais serão os objetivos que a empresa quer conquistar. Você pode ter vários objetivos, mas sempre é mais fácil quando o foco e a energia está concentrada em uma ação. 

Qual o foco da sua empresa:

1. Se tornar autoridade em um assunto?

Coloque-se no lugar de cliente que quer encontrar uma solução para o seu problema, em quem você confiaria mais? Em uma página com domínio próprio ou em uma fan page no Facebook?

Não queremos desmerecer as mídias sociais, elas também possuem um papel fundamental em uma estratégia de Marketing Digital. O que queremos que você entenda aqui é que um site é muito mais personalizável e profissional do que um perfil social.

Nesse caso, se o foco da sua empresa é se tornar autoridade em um segmento, o melhor seria buscar criar mais conteúdo relevantes, construir um blog, por exemplo, seria uma boa opção. Esse sim é um objetivo razoável para uma empresa começar a desenvolver esse tipo de estratégia. 

2. Vender mais?

Além de querer se tornar autoridade no assunto, pode-se que sua empresa queira aumentar as conversões de vendas, trazendo clientes de diferentes localidades ao adotar um e-commerce. 

Segundo as boas práticas da metodologia do Inbound Marketing, depois de atrair, converter e relacionar, é chegada a hora da venda. Com isso, seu objetivo passa a buscar mais visibilidade. 

Utilizar marketplace e grandes plataformas de e-commerce, talvez, seja a melhor opção para sua empresa. 

3. Ter mais leads?

Qual é o objetivo de seu negócio? Você tem planos de expandi-lo?

Pois bem, a resposta para a segunda pergunta envolve a criação de estratégias que aumentem seu número de leads - compradores em potencial.

Para adquirir mais clientes, por exemplo, uma empresa precisa gerar mais Leads. E para gerar mais Leads, você precisa de mais visitantes. E para adquirir mais visitantes, você precisa de um bom site institucional para recebê-los.

Lembre-se que, na maioria das vezes, o site vai ser o primeiro ponto de contato entre sua empresa e o futuro cliente. 

4. Ser mais conhecido?

Uma empresa pode ser fora de série, possuir o melhor atendimento no mercado e oferecer um produto de altíssima qualidade. Mas do que adiantaria tudo isso se as pessoas não encontrassem o que você faz?  

Ter um bom site é a forma mais prática de ser encontrado hoje em dia. Isso porque estamos falando do principal canal de busca que uma pessoa usa quando está curioso sobre qualquer assunto.

Por isso, identificar seu público alvo, conhecer suas dores e levar conteúdo que possam ajudá-los, principalmente com informações sobre o seu nicho de mercado, também é um dos objetivos que levam as empresas a criarem sites e outros canais de atendimento. 

Se a pesquisa for sobre sua empresa, por exemplo, é importante que você tenha um site bom e otimizado para que o primeiro resultado da busca seja com o link para o seu site. 

Agora, se a pesquisa for sobre o problema que seu cliente enfrenta, é importante que você tenha bons conteúdos e um bom blog para que sua empresa esteja à frente dos concorrentes.

Para atingir esse objetivo, é essencial conhecer técnicas voltadas para SEO. 

Quais são as melhores dicas para criar um site

Para empresas que querem montar seus sites, objetivo, planejamento, inteligência de negócio e conhecimento sobre o produto são os principais pontos que queríamos mostrar ao longo deste artigo. 

Afinal, é muito importante que as ações voltadas para esse projeto estejam alinhadas com as características e recursos da instituição. O processo para criar um site pode parecer complexo, na verdade não é nada fácil, mas é extremamente importante  para aumentar o engajamento das marcas. 

Tudo isso sendo constante, certamente, vai te ajudar a ampliar suas oportunidades de negócio. 

Para te ajudar a alcançar e consolidar esse projeto, a seguir veremos alguma dicas: 

  1. Converse com pessoas que já passaram por esse processo - Melhor do que aprender errando é aprender com o erro dos outros, certamente,  pessoas/ empresas que já criaram sites vão ter dicas para te passar e, assim, evitar que você cometa os mesmos erros.
  1. Busque várias opções e preços e compare - Conhecer os tipos de sites é importante para que os recursos de uma empresa não sejam dispersados. Cada solução vai ter uma vantagem e desvantagem, por isso, é importante ter conhecimento e manter o foco do negócio. Essas ações, por exemplo, ajudam na hora de decidir qual plataforma escolher. 
  1. Faça o básico bem feito - Comece pequeno e cresça aos poucos, mesmo que você gaste muito dinheiro na construção de um site esse processo é de longo prazo. Nesse caso, ter planejamento e manter o foco vai te ajudar a não cair em tentação e não desanimar. Lembre-se: os resultados no início não serão muito animadores, mas tendo em mente seu objetivo você deve continuar. 

Conclusão

Agora que você já sabe a importância de um site para uma instituição e quais podem ser utilizados, a pergunta que fica é: Qual dos tipos de site é o mais adequado para uma indústria? 

Bom, na verdade todos os modelos são indicados, o que vai direcionar a escolha é o objetivo que sua empresa quer conquistar. Você deve focar no que melhor corresponde a essas ideias e apresente todos os recursos que você precisa para gerir seu negócio e atender os clientes da melhor maneira possível.

É possível oferecer uma experiência intuitiva, agradável e dinâmica, o que consequentemente agrega maior credibilidade à sua marca. 

Além disso, é muito importante que todos os seus canais de atendimento sejam informativos e responsivos, ou seja, se adaptem a diferentes tamanhos de tela, seja no computador, ou no celular. 

A equipe Sensio ERP preparou esse conteúdo para ajudar nossos clientes com informações estratégicas, trazendo mais conhecimento para a gestão das empresas.

Quer ter acesso a outros conteúdos como esse? Acesse nosso blog e fique por dentro de tudo. 

Até a próxima!

Apenas conteúdo do blog, sem spam
Obrigado! Logo você irá começar a receber nosso conteúdo
Oops! Something went wrong while submitting the form.